Home Música ADMINISTRADORES DO BANCO BPI VISITARAM ACADEMIA DE MÚSICA DE CASTELO DE PAIVA
ADMINISTRADORES DO BANCO BPI VISITARAM ACADEMIA DE MÚSICA DE CASTELO DE PAIVA
0

ADMINISTRADORES DO BANCO BPI VISITARAM ACADEMIA DE MÚSICA DE CASTELO DE PAIVA

0
0

Possibilidade de patrocínio de grande eventos

  • Artur Santos Silva impressionado com dinâmica da instituição

O presidente honorário do Conselho de Administração do Banco BPI, Artur Santos Silva,que esteve acompanhado do administrador José Pena do Amaral, de Rafael Chueca, director territorial da FundaçãoLa Caixa “, de Barcelona, e Ana Feijó, também do BPI, estiveram ontem de visita à Academia de Musica de Castelo de Paiva, ocasião única para conhecer a dinâmica e grandeza desta instituição paivense, dedicado ao ensino especializado, e discutir as formas e a possibilidade de patrocínio de grandes iniciativas como a Academia Ibero-americana de Clarinete e a Bienal de Cultura, agendadas para este ano.

O edil paivense Gonçalo Rocha, na qualidade de presidente da direcção da Academia de Musica de Castelo de Paiva, tal como o director pedagógico Agostinho Vieira, e outros dirigentes da instituição, agradeceu e deu as boas vindas aos ilustres visitantes, e em jeito de retrospectiva, recuou no tempo, lembrando o trabalho notável e dedicado que foi desenvolvido nestas três décadas de actividade, destacando o sucesso da Academia de Musica, traduzida num projecto de ensino perfeitamente consolidado e que, em trinta anos de existência, ultrapassou todas as expectativas subjacentes à sua géneses, sendo um êxito por todos reconhecido, recordando também o alfobre de grandes músicos que aqui se tem formado e a projecção internacional alcançada, com jovens de grande nível profissional a integrarem projectos de nível mundial.

O presidente da direcção lembrou que o ensino da música assume um papel fundamental na dinâmica escolar que o concelho hoje apresenta, realçando depois, o compromisso assumido para a valorização constante da Academia de Musica, como instituição de ensino de conceituado e reconhecido mérito nacional, destacando eventos artisticos de grandeza internacional que a academia paivense continua a promover com redobrado entusiasmo e rotundo êxito, que merecem ser apoiados ao mais alto nível, sustentado numa visão estratégica que priviligia o ensino da música, num trabalho que é reconhecido pela sua classe e qualidade, traduzindo-se num valor acrescentado para o concelho e para a região, daí o interesse em pugnar por maiores apoios para que a instituição possa continuar a trilhar o caminho do sucesso.

Como paradigma do sucesso que a todos enche de orgulho, na sua abordagem perante os administradores do Banco BPI, o director pedagógico Agostinho Vieira enalteceu a qualidade do ensino que tem sido ministrado e o notável trabalho desenvolvido pela Academia de Musica de Castelo de Paiva, hoje com mais de 500  alunos, evidenciado na relevante acção formativa de crianças e jovens, abrindo novas perspectivas a todos aqueles que sentiram a música como vocação, numa terra que, desde sempre, teve uma profunda ligação com a actividade musical, constatada na intensa acção de três bandas musicais e cinco ranchos folclóricos, para além de diversos grupos corais, sendo por isso esta instituição, merecedora de reconhecimento público.

O director pedagógico propôs aos administradores da Fundação La Caixa/BPI que a parceria estabelecida para apoio ao 1º Concurso Ibero-americano do Clarinete que irá realizar-se de 11 a 14 de Abril, possa ter um âmbito mais alargado, através de um protocolo a celebrar entre as instituições, sendo que a proposta foi bem recebida pelo presidente honorário da Fundação, Artur Santos Silva e deverá ser aprofundada.

Por outro lado, a colaboração da Academia de Musica nos eventos promovidos e patrocinados pela Fundação La Caixa/BPI foi também um dos assuntos abordados e que deverá ter desenvolvimentos futuros, tendo o Presidente Honorário considerando a relevância desta academia para o concelho e a região, desafiando a Câmara Municipal de Castelo de Paiva,  através do presidente Gonçalo Rocha, a integrar o grupo fundador da Casa da Música, desafio presenciado pelo presidente do Conselho de Administração da Casa da Música, José Pena do Amaral que também marcou presença nesta visita..

Gabinete de Imprensa e Relações Públicas

Carlos Oliveira / Assessor de Imprensa