Home Cultura DIA MUNDIAL DO CINEMA CELEBRADO NA CASA DAS ARTES DE FELGUEIRAS!
DIA MUNDIAL DO CINEMA CELEBRADO NA CASA DAS ARTES DE FELGUEIRAS!
0

DIA MUNDIAL DO CINEMA CELEBRADO NA CASA DAS ARTES DE FELGUEIRAS!

0
0

Dia 5 de novembro, segunda feira:

Cinco sessões de cinema de entrada livre!

O Dia Mundial do Cinema está a chegar e, com ele, cinco sessões de cinema na Casa das Artes de Felgueiras! Dia 5 de novembro, segunda-feira, será possível assistir, de forma gratuita, a quatro filmes de animação – “Robinson Crusoé” (9h30), “Snow, O espelho da rainha” (11h), “A raposa manhosa” (14h30), e “Principezinho” (16h) – e a um filme sobre Nelson Mandela, “Desafio ao Poder” (21h30).

Esta maratona cinematográfica pretende colocar sobretudo os mais novos em contacto com a sétima arte. Embora de entrada gratuita, para cada sessão de cinema deve ser feita a reserva prévia através do telefone 255 340 340.Cada sessão encontra-se limitada à lotação da sala.

 

OS FILMES EM EXIBIÇÃO:

Robinson Crusoé

Exibição: 9h30

Duração: 90 minutos

M/6 anos

Sinopse: Numa pequena ilha paradisíaca, Terça-feira, um papagaio bastante divertido, vive com um grupo de animais amigos. No entanto, Terça-feira não para de sonhar como será o resto do mundo. Depois de uma violenta tempestade, Terça-feira e seus amigos dão de caras com uma criatura estranha: Robinson Crusoé. Terça-feira vê imediatamente em Robinson a certeza de que há um mundo para além da ilha. Da mesma forma, Robinson logo percebe que a chave para sobreviver na ilha é através da ajuda do papagaio e dos outros animais. Não é fácil no início, já que os animais não falam “humano”, mas, lentamente, todos eles começam a viver juntos em harmonia, até ao dia em que a sua vida confortável é posta em causa por dois gatos, também eles náufragos, que desejam assumir o controlo da ilha. E no meio da batalha que se segue, Crusoé e os animais seus amigos depressa descobrem o verdadeiro poder da amizade, no meio de todas as adversidades.

Snow, O espelho da rainha

Exibição: 11h00

Duração: 78 minutos

M/6 anos

Sinopse: Com as vozes de Dolores Aveiro, Ana Malhoa, Júlio Isidro e Sara Mestre. Após derrotarem a Rainha da Neve, os trolls ganham gosto pela liberdade. Tendo desempenhado um papel fundamental nesse triunfo, Orm torna-se num verdadeiro herói do povo. No entanto, isto para ele não é suficiente… Exagerando as suas façanhas e conquistas, Orm enreda-se numa espiral de mentiras alegando ter derrotado pessoalmente a Rainha da Neve e estar destinado a casar com a princesa e herdar grande poder e riqueza… Onde levarão Orm as suas mentiras? Nesta perigosa e divertida Aventura, Orm aprende que os amigos, a felicidade e o verdadeiro amor vencem qualquer mentira!

 

A raposa manhosa

Exibição: 14h30

Duração: 83 minutos

M/6 anos

Sinopse: Se pensas que o campo é calmo e pacífico… estás muito enganado. Aqui encontramos animais especialmente criativos e prontos para a diversão! Uma raposa que pensa que é uma galinha, um coelho que se comporta como uma cegonha e um pato que quer substituir o Pai Natal, tanto na quinta como no Pólo Norte! Se queres dormir uma boa sesta, este não é o lugar ideal, mas se vens para fazer amigos junta-te à festa e sê muito bem-vindo!

Principezinho

Exibição: 16h00

Duração: 102 minutos

M/6 anos

Sinopse: De Mark Osborne vem a adaptação cinematográfica animada da obra-prima icónica de Antoine de Saint-Exupéry, O Principezinho. No centro de tudo isso está a menina, que está a ser preparada pela sua mãe para o mundo em que vivem, porém é interrompido pelo excêntrico vizinho, O Aviador. O Aviador apresenta à sua nova amiga um mundo extraordinário onde tudo é possível. É aqui que a jornada mágica e emocional da menina na sua própria imaginação começa.

 

Desafio ao Poder

Exibição: 21h30

Duração: 124 minutos

M/12

Sinopse: África do Sul, 1963. Dez homens são presos numa quinta da Ravonia por planearem atos de sabotagem e violência contra o governo sul-africano. O advogado Bram Fisher decide desafiar as convenções e assumir a defesa dos detidos. Um dos homens é Nelson Mandela que exorta os outros réus a reclamarem-se inocentes e a chamarem a atenção para a repressão sistemática contra o povo africano. O desfecho apresenta-se sombrio quando Mandela profere o seu famoso discurso onde se declara `preparado para morrer´ e justifica a resistência do Congresso Nacional Africano. Será a intervenção apaixonada de Mandela suficiente para salvar as vidas destes homens?

tags: