Home Saúde O Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa assinala Dia Nacional de Prevenção do Cancro da Mama
O Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa assinala Dia Nacional de Prevenção do Cancro da Mama
0

O Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa assinala Dia Nacional de Prevenção do Cancro da Mama

0
0

O Serviço de Cirurgia do Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa (CHTS) organizou, esta manhã, o encontro “A Mulher com Cancro da Mama” para assinalar o Dia Nacional de Prevenção do Cancro da Mama que hoje, 30 de outubro, se comemora.

Realizado no Hospital Padre Américo e dirigido a profissionais de saúde, o encontro apresentou, sob as perspetivas da Cirurgia Geral, Cirurgia Plástica, Cuidados de Enfermagem e Psicologia, temas como a “Abordagem Atual do Cancro da Mama”, “Reconstrução Mamária”, “Cuidados de Enfermagem” e “Cancro da Mama e a Importância da Intervenção Psicológica”. No final, houve ainda o testemunho de uma doente.

Na abertura da sessão, Goreti Carvalho, enfermeira-chefe do Serviço de Cirurgia, salientou a incidência desta patologia, referindo que “todas as semanas surgem um ou dois casos de cancro da mama” no CHTS.

Manuel Oliveira, diretor do Serviço de Cirurgia, destacou o objetivo da iniciativa que “visa, essencialmente, melhorar a prevenção de um problema sério”.

Barros da Silva, diretor do Departamento Cirúrgico, considerou “gratificante a envolvência de todos os elementos do Departamento numa causa comum que diz muito ao nosso hospital, à nossa população e à nossa sociedade” e onde, para além da Cirurgia Geral, a “Cirurgia Plástica tem feito um trabalho digno de registo”, concluiu.  Referiu ainda o tratamento conjugado, dando como exemplo o protocolo com o IPO do Porto.

José Ribeiro, enfermeiro-diretor, lembrou a mensagem do “movimento rosa que incentiva à prevenção e alerta para a importância do diagnóstico precoce do Cancro da Mama”.

O presidente do Conselho de Administração, Carlos Alberto, saudou mais uma vez “a extraordinária vitalidade dos serviços e as pessoas extraordinárias que se dedicam ao trabalho que prestam à população”.

Carlos Alberto, não esquecendo “a tecnologia que se associa a esta prestação de cuidados”, salientou ainda a recente aquisição de um novo mamógrafo que representou um investimento superior a 200 mil euros. Este novo equipamento tem melhor definição de imagem, permitindo maior qualidade de diagnóstico nas imagens adquiridas.

tags: