Home Património Rota do Românico atribui 66 Selos de Qualidade
Rota do Românico atribui 66 Selos de Qualidade
0

Rota do Românico atribui 66 Selos de Qualidade

0
0

A Rota do Românico distinguiu mais 66 unidades turísticas com o seu “Selo de Qualidade”.

Nesta quarta fase de atribuição daquele reconhecimento de mérito, cujo período de candidaturas decorreu entre 10 de julho e 31 de agosto, foram certificadas 20 unidades de alojamento, 30 restaurantes e 16 produtores/comerciantes de produtos locais, como vinho, doçaria e artesanato.

Na distribuição territorial pelos 12 municípios abrangidos pela Rota do Românico, destaque para os 16 “Selos de Qualidade” atribuídos a Felgueiras.

O “Selo de Qualidade” insere-se no âmbito do Sistema de Valorização de Produtos e Serviços Turísticos da Rota do Românico, destinado à promoção de um patamar de qualidade uniforme dos produtos e serviços prestados aos turistas e visitantes da região.

O citado Sistema tem como objetivo concorrer não só para a criação de uma imagem de prestígio e de qualidade do produto e serviço em si, mas também para a melhoria da oferta turística do território da Rota do Românico, aumentando a sua atratividade e visibilidade, e reforçar a cooperação entre os agentes económicos e institucionais, locais e regionais.

O Comité de Avaliação das candidaturas ao “Selo de Qualidade” é constituído, para além da Rota do Românico, por representantes de dez entidades, do meio académico e associativo.

A Rota do Românico atribuiu, até ao momento, 191 “Selos de Qualidade”, em quatro fases de candidaturas. Em 2016, foram entregues os primeiros 84 “Selos”, em dois eventos distintos: o primeiro teve lugar no Mosteiro de Ancede, em Baião, no dia 4 de abril; o segundo decorreu na velha Igreja de Sanfins de Ferreira, em Paços de Ferreira, no dia 7 de dezembro. No dia 5 de dezembro de 2018, o Centro de Interpretação do Românico, em Lousada, acolheu a cerimónia de entrega de 41 “Selos de Qualidade”.

Em 2020, atendendo à situação pandémica, os 66 “Selos” não serão entregues em cerimónia pública.

A quarta fase de atribuição do “Selo de Qualidade” da Rota do Românico está enquadrada no projeto “Capacitação e Valorização Turística da Rota do Românico”, cofinanciado pelo Turismo de Portugal, I.P., através do Programa Valorizar – Linha de Apoio à Valorização Turística do Interior.

A Rota do Românico reúne, atualmente, 58 monumentos, distribuídos por 12 municípios dos vales do Sousa, Douro e Tâmega (Amarante, Baião, Castelo de Paiva, Celorico de Basto, Cinfães, Felgueiras, Lousada, Marco de Canaveses, Paços de Ferreira, Paredes, Penafiel e Resende), no Norte de Portugal.

As principais áreas de intervenção da Rota do Românico abrangem a investigação científica, a conservação do património, a dinamização cultural, a educação patrimonial e a promoção turística.

05-11-2020
www.rotadoromanico.com