Início » José Saramago inspira novo programa turístico da Rota do Românico

José Saramago inspira novo programa turístico da Rota do Românico

por S. Ferreira Rafael Telmo
José Saramago inspira novo programa turístico da Rota do Românico

Inspirado na obra literária de José Saramago, e comemorando o centenário do seu nascimento, o novo programa turístico da Rota do Românico propõe uma viagem de cinco dias através do olhar do escritor galardoado com o Nobel de Literatura, em 1998.

Saramago (1922-2010) percorreu o país, de lés a lés, entre outubro de 1979 e julho de 1980, e os seus registos deram origem ao livro Viagem a Portugal, publicado em 1981.

No território abrangido pela Rota do Românico, nos vales do Sousa, Douro e Tâmega, foram numerosos os monumentos, as paisagens e as experiências vivenciadas pelo escritor, que o programa turístico Viagem a Portugal procura, agora, relembrar e promover.

Os Mosteiros de Pombeiro, Ferreira, Cête, Paço de Sousa e Cárquere, as Igrejas de Telões, Tabuado e São Martinho de Mouros, o centro histórico de Amarante e as serras da Aboboreira e de Montemuro são apenas alguns dos locais do itinerário geográfico, histórico e sentimental narrado por José Saramago.

O programa Viagem a Portugal faz parte do projeto de turismo literário homónimo, desenvolvido por técnicos das Associações de Municípios do Vale do Sousa/Rota do Românico e do Baixo Tâmega e dos Municípios de Baião e Marco de Canaveses, premiado, em dezembro de 2020, pelo IPDT — Turismo e Consultoria e pelo Turismo de Portugal, no âmbito da iniciativa ALA+T — Qualificar para o Turismo.

Igreja de Tabuado no Marco de Canaveses

A Rota do Românico reúne, atualmente, 58 monumentos e dois centros de interpretação, distribuídos por 12 municípios (Amarante, Baião, Castelo de Paiva, Celorico de Basto, Cinfães, Felgueiras, Lousada, Marco de Canaveses, Paços de Ferreira, Paredes, Penafiel e Resende), no Norte de Portugal.

Igreja Sao Martinho de Mourosm em Resende

As principais áreas de intervenção da Rota do Românico abrangem a investigação científica, a conservação do património, a dinamização cultural, a educação patrimonial e a promoção turística.

www.rotadoromanico.com

Também poderá gostar de

Escrever um comentário