Início » CIRCUITO NGPS EM BTT TRAZ 600 PARTICIPANTES À “ROTA DO CAPÃO”

CIRCUITO NGPS EM BTT TRAZ 600 PARTICIPANTES À “ROTA DO CAPÃO”

por S. Ferreira Rafael Telmo
CIRCUITO NGPS EM BTT TRAZ 600 PARTICIPANTES À “ROTA DO CAPÃO”

Será já no próximo dia 19 de fevereiro, sábado, que a cidade de Freamunde receberá a primeira etapa do Circuito Nacional NGPS, que contará com cerca de 600 betetistas/cicloturistas oriundos das mais variadas regiões do país, que partirão à descoberta de conhecer as paisagens, o património, a cultura, a gastronomia e os usos e costumes ancestrais das localidades que acolherão tão acarinhado e participado evento cicloturístico, que foi idealizado e concebido há mais de dez anos, com o objetivo de proporcionar momentos inesquecíveis aos amantes da bicicleta de montanha, num salutar convívio com as gentes das localidades por onde passam.

Habituados a grandes eventos, como a Feira dos Capões e as Festas Sebastianas, os Freamundenses terão, uma vez mais, a oportunidade de dar continuidade ao epíteto de “Terra de paz e proteção.” Este tipo de eventos constitui-se também como uma excelente oportunidade para o comércio local, uma vez que os participantes percorrem toda a rota definida em regime de autonomia, recebendo nas notas prévias os locais de repasto (cafés e restaurantes locais) nos quais poder-se-ão refrescar, alimentar e degustar as iguarias da região ao longo do dia. Esta envolvência acrescenta um interessante impacto económico para a região.

Numa organização da Câmara Municipal de Paços de Ferreira, em estreita colaboração com o Clube BTT Freamunde e apoio técnico da Cabreira Solutions, dirigida pelo ex-ciclista profissional João Cabreira e entidade responsável pelo Circuito NGPS, a “Rota do Capão” percorre as mais belas localidades circunvizinhas e pontos de interesse turístico do concelho. Desde logo, a designação da rota que pretende divulgar ainda mais o Capão como produto com IPG – Indicação Geográfica Protegida, certificado pela Comissão Europeia e dar a conhecer aos visitantes esta raça tradicionalmente criada pelos autóctones, castrados por mulheres locais, que poderão chegar aos 7 kgs de peso e que é servido, sobretudo, na noite de consoada, numa tradição natalícia peculiar.

A gestão de tempo da participação na rota é também definida pelo participante, terá apenas o balizamento cronológico entre as 7h30m e as 17h30m para cumprir uma das duas rotas disponíveis: uma mais moderada com cerca de 35 kms e uma mais longa com cerca de 70 kms. O km 0 estará colocado no centro da cidade e partirá em direção à freguesia pacense de Raimonda, terra natal do sacerdote Alexandrino Brochado, que se notabilizou pelo facto de ter sido o português responsável pelo programa Cáritas, que permitiu a entrada de muitas crianças em território nacional, no período pós-II Guerra Mundial.

As seis centenas de participantes terão ainda a oportunidade de conhecer belíssimos locais como a Citânia de Sanfins, classificada como Monumento Nacional, em 1946, na qual poderão trespassar as suas muralhas e observar vestígios de ocupação humana que remontam ao Sec. V a.C.

A diversidade de percursos e tipologia de estradões e trilhos também serão contemplados, bem como a altimetria e acesso a montanhas e aos pontos de interesse no relevo mais elevado do concelho. Aí encontrarão as Cascatas de Fervença, em Valinhas, e desfrutarão do rio Leça, no seu estado mais selvagem e relativamente próximo da sua nascente. As dificuldades impostas pelo relevo far-se-ão sentir também na visita ao carismático Monte Pilar, no qual poderão subir ao miradouro e de lá avistar o imenso Oceano Atlântico e onde poderão visitar ainda a capela de Nossa Senhora do Pilar, a estátua do Cristo-Rei e a estação radar da Força Aérea Portuguesa. O Monte Pilar é também referência importante para os amantes do DH – Downhill, uma vez que lá está implantada uma das mais espetaculares pistas da região Norte de Portugal desta vertente do ciclismo.

Esta rota permite ainda a passagem pelo Parque Urbano de Paços de Ferreira e aí dar a conhecer o refúgio verde que os pacenses têm ao seu dispor para caminhar, tomar café, confraternizar, levarem as crianças ao parque infantil e o seu animal doméstico a passear, num ambiente rural muito bem conseguido dentro da própria urbe.

A história local não podia faltar e o ex libris pacense da Rota do Românico também será visitado, favorecendo a captação fotográfica pelos repórteres de imagem que acompanharão o evento, do Mosteiro de Ferreira, exemplar da arquitetura religiosa do séc. XII, classificado como Monumento Nacional desde 1928, com uma robustez de construção impressionantes e que ostenta elementos de edificação que relevam para épocas diversas da História da Arte.

No final da rota, os participantes terão ainda a possibilidade de desfrutarem da nova valência da Cidade dos Capões, uma das suas salas de visita, o Parque de Lazer de Freamunde que dispõe já de zonas verdes com cerca de 10000m2, com locais para atividades lúdicas, zonas de descanso e parque de merendas.

O Circuito NGPS foi criado, exatamente, com este intuito de proporcionar dias inesquecíveis, favorecendo o enriquecimento cultural, mantendo hábitos saudáveis de vida, apresentando os mais belos recantos do nosso país àqueles que escolhem estar em harmonia com a natureza, praticando desporto, e a respeitam como se de verdadeiros guardiães se tratassem, até porque, este é um ponto de honra cultivado e transmitido em todos eventos pela Cabreira Solutions aos seus participantes, sem descurar a responsabilidade cívica e social que temos no contexto pandémico que ainda vivemos e na manutenção do cumprimento escrupuloso das regras emanadas pela DGS – Direção Gera de Saúde.

Este será mais um evento de BTT proporcionado pela Câmara Municipal de Paços de Ferreira em parceria com o Clube BTT de Freamunde, que, à semelhança de anos anteriores à pandemia, continua a “puxar” para a Cidade os eventos mais carismáticos pautados pelo ecletismo e pela capacidade de dinamizar a localidade em geral e o desporto em particular.

Também poderá gostar de

Escrever um comentário