Home Saúde CÂMARA MUNICIPAL DE PAÇOS DE FERREIRA REQUER MEDIDAS URGENTES E EXCECIONAIS PARA CONTER PROPAGAÇÃO DESCONTROLADA DO VÍRUS
CÂMARA MUNICIPAL DE PAÇOS DE FERREIRA REQUER MEDIDAS URGENTES E EXCECIONAIS PARA CONTER PROPAGAÇÃO DESCONTROLADA DO VÍRUS
0

CÂMARA MUNICIPAL DE PAÇOS DE FERREIRA REQUER MEDIDAS URGENTES E EXCECIONAIS PARA CONTER PROPAGAÇÃO DESCONTROLADA DO VÍRUS

0
0

Missiva enviada esta manhã ao Governo e Direção Geral da Saúde

Na sequência dos vários apelos efetuados, ao longo dos últimos dias, pelo Presidente da Câmara Municipal de Paços de Ferreira, Humberto Brito, tendo em conta o crescimento galopante do número de infetados com o novo coronavírus no concelho, foi esta manhã enviada uma missiva ao Sr. Primeiro Ministro, Ministros da Economia, Saúde, Segurança Social e Diretora Geral da Saúde, apelando à urgente tomada de medidas excecionais

O grande número de residentes no concelho, perto de 60 mil, a reduzida área do concelho, 72 km2 e a elevada densidade populacional, a que se junta uma forte presença industrial, comercial e de serviços, torna Paços de Ferreira um barril de pólvora no que à propagação deste vírus diz respeito.

Infelizmente, as medidas em vigor em todo o território nacional, e consequentemente no nosso concelho, não permitem, por si só, estancar o crescimento exponencial do número de infetados. As particularidades geográficas, sociais e económicas de Paços de Ferreira, impõem que sejam adotadas, por parte das entidades nacionais, medidas extremas e o mais rapidamente possível.

A Câmara Municipal de Paços de Ferreira, através do seu Presidente, requer por isso que, de imediato, governo e autoridades de saúde pública nacionais, possam alargar e intensificar as medidas de contingência no nosso concelho, definindo como prioridade das prioridades, a defesa da saúde e da vida de dezenas de milhares de cidadãos.

Não podemos adiar o inadiável. Reduzir ao máximo as fontes de propagação do vírus é a única forma de impedirmos uma tragédia, sem precedentes, no concelho de Paços de Ferreira. Esperamos, por isso, por parte das entidades nacionais, designadamente Governo e DGS, a devida e rápida tomada de decisões. O tempo, esse corre contra todos nós!

 

Câmara Municipal de Paços de Ferreira

31 de março de 2020